Agende sua consulta
Fale conosco pelo WhatsApp
Quando procurar um especialista em catarata?
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)
22/08/2023

O oftalmologista especialista em catarata é seu maior aliado contra a condição. Entenda melhor seus sintomas e saiba quando você deve procurar o profissional.

Presente em cerca de 160 milhões de pessoas no mundo inteiro, a catarata é uma condição que afeta os olhos. Isso acontece porque gera uma opacidade do cristalino, causando uma visão turva e embaçada e, muitas vezes, a perda total de visão.

Geralmente associada ao envelhecimento, a catarata também pode ser causada por lesões, doenças oculares e outros fatores genéticos. Um profissional especialista em catarata é o maior aliado de pessoas que sofrem com a condição.

Quais são os sintomas da catarata?

Antes de buscar um especialista em catarata, é preciso entender melhor os seus sintomas. Um dos mais evidentes é a visão embaçada ou turva. Conforme a catarata se desenvolve, o cristalino se torna opaco, o que dificulta a passagem de luz e deixa a visão pouco nítida.

Além da visão embaçada, a catarata também pode causar outros sintomas como sensibilidade à luz e dificuldade em enxergar à noite. No caso do primeiro, luzes intensas como a solar e de lâmpadas brilhantes se tornam desconfortáveis. Já a dificuldade noturna se explica porque a visão em condições de pouca luz pode ser ainda mais comprometida pela catarata.

Outro sintoma que pode ser observado pelo médico especialista em catarata diz respeito à visão duplicada (diplopia). Isso ocorre quando a opacificação do cristalino faz com que a luz se divida em duas imagens separadas, tornando os objetos duplicados ou sobrepostos. Assim como os outros sintomas, a diplopia pode dificultar tarefas diárias, como dirigir, ler e até mesmo reconhecer rostos.

A mudança na percepção de cores, que podem parecer desbotadas, amareladas ou menos vibrantes, também integra a lista de sintomas da catarata. Ainda tratando de mudanças, a necessidade frequente de troca na prescrição de óculos também pode se mostrar como um sinal de catarata em desenvolvimento.

Para recapitular, os principais sintomas são:

  • Visão turva ou embaçada;
  • Visão duplicada (diplopia);
  • Sensibilidade à luz;
  • Visão noturna prejudicada;
  • Mudança na percepção de cores;
  • Dificuldades de leitura e na realização de tarefas detalhadas;
  • Mudança frequente na prescrição de óculos.

Quando devo procurar um especialista em catarata?

Recomenda-se que o paciente procure um especialista em catarata, como um oftalmologista, quando os sintomas citados acima começarem a interferir na sua visão diária. É o especialista em catarata que pode fornecer um diagnóstico preciso, por possuir conhecimento e experiência para realizar uma avaliação adequada dos seus sintomas visuais.

A importância do especialista em catarata não se resume ao diagnóstico preciso. Caso o paciente já saiba que a catarata é a causadora de seus problemas de visão, o especialista em catarata também é indicado na fase de tratamento apropriado.

Em suma, o paciente deve procurar o especialista em catarata em todas as etapas relacionadas à doença, como diagnóstico, tratamento (cirúrgico ou conservador) e monitoramento. Lembre-se, esse profissional é o seu maior aliado na manutenção da sua saúde ocular.

Como escolher um especialista em catarata?

Escolher um especialista em catarata requer considerar diversos fatores importantes. Separamos algumas dicas para ajudar nessa escolha:

  • Qualificação e experiência: verifique a formação, certificações e experiência do médico. Certifique-se de que ele seja um oftalmologista especializado em cirurgia de catarata e tenha uma boa reputação no tratamento da condição;
  • Peça recomendações: converse com amigos, familiares ou seu médico de confiança para obter recomendações de especialistas. Neste momento, a experiência e opinião de outras pessoas apresenta enorme importância na sua escolha;
  • Reputação da clínica ou hospital: avalie a reputação e a qualidade da clínica ou hospital onde o especialista em catarata atende;
  • Considere a comunicação e o atendimento: além da eficiência do profissional, a comunicação interpessoal também deve ser considerada. Observe a comunicação e a capacidade do médico de responder a todas as suas perguntas e fornecer explicações claras. Seu conforto é essencial!

Ao levar esses fatores em conta, você estará mais bem preparado para escolher um especialista em catarata confiável e experiente, garantindo um tratamento adequado e um cuidado ocular de alta performance.

Para mais informações sobre o assunto, agende uma consulta com nossos especialistas.

 

Fontes:

Dr. Drauzio Varella

Ministério da Saúde

Associação Brasileira de Catarata e Cirurgia Refrativa